9 de junho de 2015

Rosas e espinhos


Há dias difíceis.
Gosto de ser mãe. Amo os meus filhos. Mas a maternidade não é um mar de rosas. Essas mesmo estão cheias de espinhos.
Chegar a casa, cheia de calor. Pensar em descansar. Encontrar os filhos zangados. Um lavado em lágrimas, sentido mesmo, com as coisas que o irmão lhe disse.
Tentar acalmar um, ter um conversa séria com o outro. Há dias que parece não termos o poder de fazer os nossos filhos felizes. Há dias, em que por muito que façamos, parece não conseguirmos fazer o suficiente.
Amanhã será um novo dia. E o sol brilhará, apesar da trovoada que se está a desenvolver.

2 comentários:

  1. Não pode ser nada fácil...admiro muito as mães trabalhadoras! não consigo sequer imaginar o cansaço ao final do dia e a boa disposição e energia que lhes são exigidas...! Respeito!

    ResponderEliminar
  2. Espero que esteja tudo mais calmo por aí!

    ResponderEliminar

Digam de vossa justiça!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...